TOP BLOG

TOP BLOG
Espiritismo Redivivo

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

O HOMEM QUE SE INTITULOU BISPO

O HOMEM QUE SE INTITULOU BISPO

Uma figura polêmica dos meios religiosos acusado de várias falcatruas, mesmo assim conseguiu em curto espaço de tempo, construir um patrimônio fabuloso com várias sedes majestosas em todo o Brasil, e quiçá no mundo. Falamos de Edir Macedo, o criador e fundador da Igreja Universal do “Reino de Deus”, que através de sua lábia e da lavagem cerebral que usava para ludibriar os fracos e oprimidos com promessas de curas miraculosas. Seus adeptos e auxiliares seguem os ensinamentos dele. Num vídeo que roda na Rede Mundial de Computadores (Internet) na maior cara de pau do mundo, no intervalo de pelada de futebol ele ensina aos seus bispos a arte de tomar dinheiro dos fiéis. Lendo a reportagem da jornalista Solange Spigliatti da Agência Estado, de São Paulo ficamos ciente das atitudes desonestas de Edir Macedo e mais nove que viram réus por lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

Quem lava dinheiro e forma quadrilha é bandido com certeza. O mais espantoso de tudo isso é que a cada dia seu patrimônio crescia, e a cada esquina surgia uma sede nova da igreja, normalmente fechada. “Um homem que começou com um terreno alugado onde funcionava uma funerária consegue enricar da noite para o dia e a Receita Federal, nunca chamou este homem para provar como seu patrimônio crescia assustadoramente.” A Justiça de São Paulo acatou ontem a denúncia contra o bispo Edir Macedo e outras nove pessoas ligadas à Igreja Universal do Reino de Deus por formação de quadrilha e lavagem de dinheiro. Segundo o Ministério Público Estadual (MPE), eles são acusados de integrarem um esquema envolvendo empresas de fachada, que remetia ao Exterior dinheiro obtido com doações de fiéis. Esse dinheiro, depositado em paraísos fiscais, voltava ao Brasil em forma de contratos de mútuo utilizados para a aquisição de empresas. Astuto o senhor Edir Macedo. Agora o que seus adeptos vão dizer? Marcação com certeza. Edir Macedo é possuidor de um blog na internet que tem o seguinte endereço eletrônico: http://www.bispomacedo.com.br/ Quem quiser ver as mensagens que ele passou para seu público admirador é só entrar no blog e verás tudo ao vivo e em cores. De seu blog pincelemos alguns detalhes de um artigo em que ele fala sobre a mulher. Veja: “Modelo de Mulher - A Bíblia ensina que a mulher sábia constrói sua casa... Eu creio que toda mulher espiritual deseja ser modelo. Não da moda, mas modelo de filha, esposa e mãe. Se tudo que a mulher faz para investir nisso a ajudasse, teríamos hoje outro respeito por ela. Infelizmente, o que se vê hoje em dia é um grande desrespeito por valores morais e espirituais. Especialmente por parte da própria mulher. Em busca de sua ‘independência’ ela tem se deixado levar pela volúpia desenfreada pelo poder econômico como se isso a deixasse livre. Por conta disso vale até expor o corpo aos apelos da moda pervertida. Sua discreção e beleza, tão importantes e essenciais têm dado lugar ao sexo desenfreado.

A Bíblia ensina que a mulher sábia constrói sua casa, e a virtuosa excede em muito o valor de finas jóias. Que tipo de sabedoria ou virtude poderia habilitar uma mulher-modêlo? Capacidade intelectual? Amor? Dedicação nos trabalhos caseiros ou seculares? O que realmente faz a diferença entre uma mulher de Deus e a comum? No trato da mulher sábia a Bíblia refere-se àquela que, à exceção das demais, tem se utilizado mais da razão do que da emoção. Estudos têm mostrado que o homem é mais racional, enquanto a mulher mais emocional. Isto parece ter mesmo sentido, pois na tentação o diabo não investiu contra Adão. Ele escolheu Eva. Por quê? Por causa de sua fragilidade física? Não! Mas por ser criatura mais dada às emoções. Satanás percebeu a fraqueza de Eva e de acordo com isso tentou! Ele usou apenas da palavra de dúvida para estimular sua curiosidade. E esta uma vez concebida, a levaria logo à ação da desobediência. A sabedoria da mulher de Deus está na sua racionalidade porque suas decisões são tomadas de acordo com a fé inteligente e não emocional. Assim sendo é muito mais difícil fazer a má escolha. O caráter emotivo é característica marcante nas crianças. Criança não pensa, age. São movidas apenas à base dos sentimentos momentâneos. Por isso não podem ficar Sozinhas e suas ações precisam sempre ser vigiadas. A virtude da sábia está em pensar de acordo com os pensamentos de Deus. Antes de agir ela medita, pesa, avalia para que suas atitudes não sejam infantis. Normalmente os casamentos são feitos na base da emoção sentida no coração, mas quantos subsistem? Poucos, infelizmente. A Palavra de Deus já adverte quanto aos enganos do coração, chegando até mesmo identificá-lo como enganador e corrupto: Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá? (Jeremias 17:9).

Portanto, enquanto a mulher sábia (racional) edifica sua casa, a mulher insensata (emotiva), com as próprias mãos, a - derruba. A coisa mais difícil é achar uma mulher livre economicamente e feliz no amor. Isto porque quando chega ao status de ‘liberdade econômica’ igual ao do seu marido, ela o rejeita como cabeça. A mulher como cabeça do marido, não só contraria sua própria natureza, mas como a agride frontalmente. Ela foi criada para auxiliar seu marido. Ele é o - cabeça e ela o corpo. Como inverter essa natureza? Como trocar essa ordem? Impossível! É como plantar árvore com as raízes para cima... Essa é a razão porque as mulheres de sucesso econômico são infelizes no amor. Impossível para elas ocupar a posição original. Deus abençoe abundantemente. Bispo Edir Macedo. São muitas insinuações que vocês poderão encontrar no site, o bispo dando uma de bonzinho falando de enganador e corrupto esquecendo as suas ações maléficas para os freqüentadores da igreja e benéficas para ele e sua patota. Continua a Agência na informação. A acusação formal foi oferecida no último dia 5 pelo MPE, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) - Núcleo São Paulo, e recebida pelo juiz da 9ª Vara Criminal da Capital. Além de Edir Macedo, foram denunciados Alba Maria da Costa, Edilson da Conceição Gonzáles, Honorilton Gonçalves da Costa, Jerônimo Alves Ferreira, João Batista Ramos da Silva, João Luís Dutra Leite, Maurício Albuquerque e Silva, Osvaldo Scriorilli e Veríssimo de Jesus. De acordo com a denúncia, Edir Macedo e os demais acusados há cerca de 10 anos vêm se utilizando da igreja para a prática de fraudes. Durante as investigações, os promotores conseguiram localizar milhares de depósitos em dinheiro em favor da Igreja Universal.

Somente no período entre março de 2003 a março de 2008, esses depósitos somaram R$ 3,9 bilhões, de acordo com o MPE. Levantamento feito pelo MPE e pela Polícia Civil, com base em dados bancários e fiscais obtidos judicialmente, mostra que a Igreja Universal movimenta cerca de R$ 1,4 bilhão por ano no Brasil, dinheiro arrecadado por meio do pagamento de dízimo por seus milhares de fiéis espalhados por 4.500 templos, instalados em 1.500 cidades do País. Tanto ser humano passando fome no Brasil e o pretenso bispo esbanjando dinheiro. Depois das averiguações o governo brasileiro deveria interditar os bens da igreja aqui e em outros países em nome da moral e dos bons costumes. Vejam o perigo que o dízimo causa as pessoas de olho grande. Na denúncia, o MPE destaca que Edir Macedo e outros bispos destinavam grande parte de sua pregação para a coleta do dízimo, enfatizando a necessidade de a igreja angariar recursos para a compra de óleos santos de Israel, o financiamento de novos templos e o pagamento de pregações nas rádios e TVs. A Universal aceitava cheques, carros e outros bens como doação. Ainda segundo a denúncia, Edir Macedo e os outros denunciados se aproveitaram da imunidade tributária estabelecida pela Constituição para templos religiosos e passaram a utilizar a Igreja Universal para benefício próprio, captando os valores dos dízimos, ofertas e contribuições dos fiéis, investindo em bens particulares, como imóveis, veículos ou jóias. Para os promotores, ficou comprovado que o dinheiro das doações, em vez de ser utilizado para a manutenção dos cultos, era desviado para atender a interesses particulares dos denunciados. O grande Mestre Jesus veio ao mundo com homem simples sem ostentação de riqueza, mas o que se vê por aí são religiões com igrejas suntuosas, esbanjando vil metal a custa do malfadado dízimo, enquanto membros da igreja passam por privações, mas as promessas são um atentado a moral humana.

Encerrando esta matéria vejam a biografia do suposto bispo que ele mesmo inseriu no blog em alusão: “Biografia do Edir Macedo-Líder da Igreja Universal do Reino de Deus - O fundador da Igreja Universal do Reino de Deus, bispo Edir Macedo, 64 anos, nasceu no Rio de Janeiro. Em 1963, iniciou a carreira no funcionalismo público: tornou-se contínuo na Loteria do Estado do Rio de Janeiro, a Loterj, e trabalhou no Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE, como pesquisador no censo econômico de 1970. Chegou a completar 16 anos de carreira como funcionário público. Deixou o cargo para se dedicar à Obra de Deus, o que na época foi considerado por algumas pessoas uma loucura. Casado com Ester Bezerra há 36 anos, com quem teve duas filhas, Cristiane, Viviane e Moises, filho adotivo. Edir Macedo sempre faz questão de falar sobre o apoio de sua esposa. Ele diz que a mulher desempenha um papel importante na família. Ela educa os filhos para serem homens de fé, cuida do marido, da casa, enfim, vive um dia-a-dia agitado. Porém, o diferencial da mulher de Deus é que ela faz tudo com a direção do Senhor. Ele tem uma vasta formação acadêmica: é graduado em Teologia, pela Faculdade Evangélica de Teologia "Seminário Unido", e pela Faculdade de Educação Teológica no Estado de São Paulo (Fatebom). Fez doutorado em Teologia, Filosofia Cristã e Honoris Causa em Divindade, além do mestrado em Ciências Teológicas na Federación Evangélica Española de Entidades Religiosas "F. E. E. D. E. “R” (MADRID, ESPAÑA). Como escritor evangélico, Edir Macedo se destaca com mais de 10 milhões de livros vendidos, divididos em 34 títulos, sobressaindo-se os best-sellers "Orixás, caboclos e guias" e "Nos Passos de Jesus". Ambos atingiram a marca de mais de três milhões de exemplares vendidos no Brasil. Hoje reconhecido como um dos líderes evangélicos mais conceituados no mundo, Edir Macedo já realizou concentrações evangélicas que reuniram mais de um milhão de pessoas. Entre as várias obras sociais realizadas, se destaca a arrecadação de 700 toneladas de alimentos não-perecíveis para as comunidades carentes, em um evento realizado no Vale do Anhangabaú, São Paulo. Bispo Edir Macedo. Essas facetas não são de nossa e sim do currículo que consta em seu blog.

Nosso tão sofrido Brasil está afogado num mar de lama e corrupção e essa malfadada corrupção é parte integrante de uma quantidade de religiões que crescem assustadoramente e que já toma conta da mídia e da radiodifusão brasileira e agora estão desvirtuando a finalidade dos ensinamentos do Cristo, para obterem proveito próprio. “Ele vai mais longe ainda quando diz:” De origem simples, Edir Macedo sempre soube que teria que lutar muito para vencer as dificuldades. Por isso, procurava dividir seu tempo entre os estudos e o divertimento. Mas, ainda na juventude, convivia com um medo que o atormentava: ter o inferno como destino após a morte. Por isso, aos 17 anos, decidiu acompanhar a família em mais uma mudança. Eucy, a irmã mais velha, foi a primeira a seguir o caminho da fé evangélica. Passava madrugadas acordada, sem ar, sufocada, com crises de bronquite asmática. Nas noites de frio, a casa da família Macedo virava um inferno com tantos problemas. Eugênia, a mãe, carregou a filha para igrejas católicas e até para centros espíritas. Sem solução. Mas, um dia, Eucy se impressionou ao ouvir pelo rádio uma palavra de fé de um pastor canadense e atendeu ao convite do pregador. Ela ficou curada e sua história intrigou Edir Macedo, que buscava respostas interiores. Com o apoio da irmã, ele passou a se dedicar à meditação da Bíblia e logo começou a freqüentar a igreja. Aos poucos, o ambiente de fé e as músicas, juntamente com as pregações, motivaram Edir Macedo. Mas foi aos 19 anos que ocorreu sua conversão, afirma.

"Recebi um novo coração. Uma alegria indescritível passou a fazer parte do meu ser. Fiquei livre dos complexos, da solidão e da dependência de terceiros. Percebi que havia em mim uma energia própria que me fazia capaz de todas as coisas em nome do meu Senhor. Foi à maior alegria de toda a minha vida: meu encontro com Deus", conta. Sua vontade de fazer a Obra de Deus era tão grande que Edir Macedo passou a pregar sozinho num coreto da Praça no Jardim do Méier, Zona Norte do Rio de Janeiro. A determinação crescia em meio às dificuldades. Veio o aluguel do galpão onde funcionava anteriormente uma funerária e, a partir dali, o trabalho foi crescendo, até chegar à Igreja Universal do Reino de Deus, que hoje se faz presente em todo o Brasil e em mais de 170 países. Desculpem amigos se me estendi, mas era preciso mostrar a vida desse homem que falava tanto de Deus, mas na verdade seu deus era “Mamom”.

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI-ALOMERCE E DA AOUVIRCE

Nenhum comentário:

Antonio Paiva Rodrigues

Minha foto
Fortaleza, Ceará, Brazil
Este blog tem por finalidade divulgar o jornalismo pelo Brasil e no mundo. Bem como assuntos doutrinários e espirituais.