TOP BLOG

TOP BLOG
Espiritismo Redivivo

segunda-feira, 1 de abril de 2013

HERODES O PERVERSO


SER REI OU MAJESTADE EIS A QUESTÃO.



SER REI OU MAJESTADE EIS A QUESTÃO.

“Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não existisse caridade, seria como o metal que soa ou como o sine que tine. E ainda que tivesse o dom de profecias e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse caridade, nada seria”. (I Coríntios 13:1-2).

Uma sentença belíssima, esplendorosa, mas de difícil execução nos dias atuais. Qual a razão da dificuldade perguntariam muitas pessoas. A resposta seria dura, mas de uma profunda simplicidade. O homem de hoje esqueceu de vez a espiritualidade e aderiu por completo à materialidade. Ou estaremos enganados? Feliz aquele que, em um momento de exasperação ou mesmo de desespero, encontra alguém que o socorra com palavras de serena generosidade. O estresse emocional dominou o ser humano e pouco a pouco ele perde a razão e a racionalidade.

A ambição, o orgulho, e o proveito próprios são atitudes que denotam negativamente a personalidade hominal. Mas, certamente mais feliz é aquele que, movido por íntima caridade, derrama esse orvalho divino sobre as feridas da alma inquieta que o procura. Às vezes tomamos decisões que não deveriam tomar, no entanto, a violência que se embrenhou na humanidade nos faz agir assim. Mesmo com o coração sentido temos que preservar a nossa vida, pois lidamos todos os dias com o inimigo, ele nos conhece, mas nós não o conhecemos. Allan Percy em seu livro “Nietzsche para os estressados” nos ensina 99 doses de filosofia para despertar a mente e combater as preocupações.

Conselhos antigamente era “ouro vivo”, pois eram ensinamentos alicerçados psicologicamente, no entanto, hoje as pessoas dizem com a maior naturalidade possível: “Se conselho fosse bom não daríamos, venderíamos”. De “Ouro vivo” transformou-se em matéria morto e sem valor nenhum.  O título da nossa matéria nos remete a muitos anos onde um homem queria ser rei e automaticamente majestade. Referimos-nos a figura lendária e controvertida de Herodes, apelidado de o grande. Ele mostrou ser mais impiedoso que o seu próprio pai. ( Grifo nosso).

Foi o primeiro da dinastia de descendentes que reinaram na Palestina romana até os idos de 100 d. C., devido a sua personalidade de mau bem que poderia ter ficado conhecido como o “horrendo”, pois em seu coração só plantaram sementes do mal e ele colheu a crueldade e a opressão e, essas qualidades negativas foram os “pontos fortes” para o seu longo reinado. Caridade no coração de Herodes não existia e quiçá a fraternidade. A sua ânsia e desejo era ser o rei dos judeus e o único soberano de Israel.

Em suas andanças foi até Roma e usando artimanhas malignas, com o poder da persuasão conseguiu a proeza de convencer Otaviano e Antonio, seus aliados naquela época, a colocá-lo no trono como “Rei da Judéia”. Seus desejos seriam concretizados, visto que ele se achava como única autoridade a consolidar o regime na Palestina, levando apoio aos judeus contra os pártios que invadiram pelo Leste. Hircânia era o nome de uma satrapia localizada nos territórios das atuais províncias iranianas de Golestan, Mazandaran, Gilan, e parte do Turcomenistão, ao sul do mar Cáspio, que para os antigos gregos, era o “Mar Hircânio”.

Ressalte-se que conforme os historiadores, mesmo não existindo concretas evidências, durante o período persa uma muralha foi construída para defender Hircânia dos nômades das estepes da Ásia Central e as ruínas de um muro ao norte de Gorgam visíveis nos dias atuais chamados de Portas de Alexandre, foram construídas posteriormente para substituir uma construção defensiva existente. O seu testamento dividia seu reino entre três de seus filhos. Herodes Antipas o soberano da Galiléia e da Pérsia , a região do outro lado do Jordão, Arquelau, o mais velho torno-use “etnarca” da Judéia, designação para “soberano da nação” e Felipe, o mais novo , de outra esposa, recebeu territórios a nordeste de Mar da Galiléia . O imperador Augusto ratificou seu testamento. 

As satrapias são pequenas “unidades políticas”, pois o reino Persa, ao contrário de outros não possuía uma capital. Dentre importantes Sátrapias destacaram-se Pasárgada, Babilônia, Persépolis, Susa e etc. Dario II, rei da Pérsia, visitou todas as satrapias de seu Império. Qualquer terminologia usada é que não é do conhecimento geral dever ser explicada com todos os detalhes. Como rei Herodes não poderia deixar de ser coroado e nesse ato ofereceu sacrifícios a Júpiter na Colina da Capitólia e ao seu lado estavam Otaviano e Antonio. (Grifo nosso). Depois de todas as festividades e já como rei passou a subjugar a Galiléia no norte, depois passou para Samaria no Sul e apoiado pelos legionários romanos chega a Jerusalém. Todos que se opunham a ele eram massacrados e em 37(A.C)., consolidou seu regime diabólico e ensanguentado como o “Rei dos Judeus”.  

Casou-se com Mariane, de descendência de famílias de sacerdotes conhecida como asmonianos ou macabeus. Antipater era seu pai estrangeiro da Iduméia.  Sua mãe era judia.  Um grande terremoto assolou e foi devastador para a Judéia, o resultado final foram trinta mil mortos. Com a derrota de Antonio por Otaviano Herodes foi confirmar seu título de “Rei dos Judeus”. Seu primeiro ato diabólico foi à execução de 45 dos 70 membros do sinédrio judaico. Fortaleceu Massada, o alexandrium, Maqueronte e Hircãnia O soberano legítimo da casa de Davi não foi muito fácil para ele. Segundo James D. Tabor em 22 A.C., Herodes iniciou a construção da nova cidade portuária de Cesárea que durou 12 anos como um belo porto artificial.

O maior projeto de Herodes envolvia a remodelação completa do templo de Jerusalém. Ele queria ser lembrado como um segundo rei Salomão. Herodes bebia muito e contraiu muitas doenças. “Segundo o grande Josefo ele tinha dores e tumores intestinais, asma, “gangrena” genital e verme, mal podia se sustentar em pé”. Pouco antes de morrer , viajou para as fontes termais de Caliore, na margem Jordaniana do Mar Morto , em busca de tratamento. Herodes morreu em março de 4 A.C. Nessa época Jesus era recém-nascido de seis meses, morando na Galiléia. As 16 anos depois da morte do pai, foi esse mesmo Herodes que mandou executar João Batista, Jesus se negou a falar com ele. O primeiro interesse de Herodes era construir a magnífica capital, em Séforis.  Segundo nos informa Augusto Belo de Souza Filho, bacharel em Teologia, quando Jesus nasceu à Palestina estava sob o domínio do Império Romano, que a dividiu nos distritos da Galiléia; Samaria e Judéia; Induméia com Peréia; e Traconites com Ituréia além do Rio Jordão.

Todos estes territórios constituíam os domínios de Herodes, o Grande, que governou a Palestina de 40 ªC., até o ano 4 ªC., como citamos antes nas entrelinhas. Segundo o texto de Mateus 2:1, quando Jesus nasceu em Belém da Judéia, Herodes, o Grande reinava em Jerusalém. Diz o texto de Mateus que uns magos vindos do Oriente a Jerusalém, perguntavam onde havia nascido o Rei dos Judeus, pelo que tinham visto a sua estrela no Oriente e desejam adorá-lo. Quando o Rei Herodes tomou conhecimento desse fato, ficou muito alarmado juntamente com os habitantes de Jerusalém. Isto porque o Império Romano jamais admitiria que alguém fosse proclamado Rei de uma província sob o seu domínio.

Por outro lado a notícia soava bem aos ouvidos dos Judeus que se achavam oprimidos pelo Império, sendo escravizados e pagando altos tributos a Roma. O fato de lhes nascer um Rei era por demais alviçareiro e renovava-lhes a esperança de tornarem-se livres novamente. Esta notícia portanto deixou Jerusalém agitada Herodes chamou os principais sacerdotes e escribas do povo e interrogou-lhes acerca de onde deveria nascer o Cristo. Responderam-lhe que seria em Belém da Judéia, porque estava escrito por intermédio do profeta: “E tu Belém, terra de Judá, não és de modo algum a menor entre as principais de Judá; porque de ti sairá o Guia que há de apascentar a meu povo, Israel.” (Mt 2:6; Mq 5:2). Herodes voltando-se para os magos inquiriu-os acerca da época em que a estrela aparecera. E, enviou-lhes a Belém, com a recomendação de que ao localizar o menino que o avisassem para que também fosse adorá-lo.
Ao partirem de Jerusalém, a estrela apareceu novamente e os guiou até encontrarem o local onde estava o menino e isto foi motivo de muito regozijo entre os magos (Mt 2:9-10). Ao encontrar o menino prostraram-se e adoraram-no. Abriram seus alforjes de  tesouros e entregam as suas ofertas: ouro, incenso e mirra.  Quando se preparavam para voltar para as suas terras são avisados em sonho por Deus que não deviam regressar à presença de Herodes para dar-lhe notícias. Deus conhecia desde o início que o interesse de Herodes pelo menino era maligno (Mt 2:12).

Tão logo os magos partem Deus envia um anjo a José em sonho que lhe diz que deve imediatamente tomar a Jesus e a Maria e fugir para o Egito e permanecer lá até que Deus o avise, porque Herodes haveria de procurar o menino para matar. (Mt 2:13). A noite José toma Maria e o menino Jesus e foge para o Egito, permanecendo lá até a morte de Herodes, o Grande, para que se cumprisse o que fora dito pelo Senhor através do profeta Oséias –“...do Egito chamei o meu Filho”. (Os 11:1). Quando Herodes descobre que foi enganado pelos magos, fica bastante irado e manda matar todos os meninos de Belém e de todos os seus arredores, de dois anos para baixo, conforme o tempo do qual com precisão se informara dos magos.

Quando essa matança se verifica cumpre-se mais uma profecia proclamada por Jeremias que dizia: - “Ouviu-se um clamor em Ramá, pranto, choro e grande lamento; era Raquel chorando por seus filhos e inconsolável porque não mais existem”. (Mt 2:17-18). Quando Herodes morreu, um anjo do Senhor aparece novamente em sonho a José e orienta-lhe a voltar para Israel com a família, porque os que atentavam contra a vida de Jesus já haviam morrido.  Quando José tomou conhecimento de que quem Reinava na Judéia era Arquelau filho de Herodes, temeu ir para lá e, por divina advertência prevenida em sonho, retirou-se para as regiões da Galiléia.

Tendo habitado na cidade de Nazaré onde José exerceu a profissão de carpinteiro e onde Jesus cresceu juntamente a seus irmãos até o início de seu ministério terreno. Deste modo Jesus ficou livre da perseguição do Império Romano por intermédio de Herodes, o Grande. Jesus sofreu bastante para se sair da perseguição de Herodes Antipas, visto que a maldade e a violência eram atributos da família de Herodes. Felizmente Jesus conseguiu esse intento, mas não da perseguição daqueles que não gostavam dele, pois Jesus praticava a caridade, curava enfermos, cegos, aleijados e por essas benditas atitudes os seus seguidores começaram a chamá-lo de Rei dos Judeus, o que aumentou o ódio de Herodes Antipas que se sentia ameaçado. E todos sabem o final que o Cristo teve em virtude da inveja, e o seu final foi a crucificação como blasfemador. Jesus nunca aceitou a ideia de ser rei ou majestade, pois o único tratamento aceito por ele era de Mestre.

Ao chegar aos trinta anos , começava a formular um plano que acreditava levar à destruição completa de toda Roma e seus simpatizantes e partidários judeus representavam, incluindo o estabelecimento religioso corrupto que dirigia o Templo de Jerusalém. O que visionava, encontrou escrito nos textos sagrados dos profetas hebreus. O tempo era chegado, os reinos do mundo estavam para se tornar o Reino de Deus e de seu Messias. Jesus também teve seus momentos de irritação e chegou a chamar Herodes de raposa. Lembre-se de que do escuro menosprezo da Terra, fez Jesus o caminho radiante para os Céus. Se for justo esperar pelo amor que verte sublime do Céu em teu benefício, é preciso derramar esse mesmo amor nas furnas da Terra a que consciências fragmentárias se acolhem, contando contigo para que se eduquem e aperfeiçoem. (Emmanuel). Pense nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES- MEMBRO DA ACI- DA ACE- DA UBT- DA AVSPE- DO PORTAL CEN- DA AOUVIRCE E DA ALOMERCE.




terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

INOCENTE OU CULPADO?


MAIS CONTURBAÇÕES NA IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA



MAIS CONTURBAÇÕES NA IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA

“Um dia todas as trevas serão dissipadas, todas as prisões serão abertas, todos os andrajos serão varridos para fora do mundo e todos os gemidos cessarão. Somos servos privilegiados com valioso empréstimo de dons sublimes. Abstenhamos desse modo, da perda de tempo e ataquemos a tarefa que nos compete atender.” (Emmanuel).

Todo ser humano criado simples e “ignorante” é forçado, obrigado a lutar pela conquista magnífica da razão e, atingindo-a, entre os hominais é impelido igualmente a lutar a fim de aperfeiçoar-se devidamente. Jamais deveremos ou podemos confundir a felicidade terrena com a luz Divinal, pois ela vem de Deus. Qualquer ser humano pode ser feliz neste mundo, visto que tem o melhor que a sociedade lhe facultou, no entanto, pode ser vazio dos mais elementares valores espirituais. Nós pretendemos que todo ser hominal seja portador de valores espirituais e felicidade, o que significará a luta pelo merecimento. Para isso, deve conquistar o bem em plenitude e isolar o mal de sua vida.

O jogo de poder que abalou o papa. Seria mesmo um jogo de poder? Veremos! A renúncia de Bento XVI revela a crise vivida pelo Vaticano. A janela está aberta para mudanças, e há chances de o novo papa vir de países mais pobres, onde está a maioria dos católicos. As religiões, bem como as igrejas estiveram em pé de guerra para ocupar os melhores lugares na sociedade e foram rendidas pelo poder econômico. As artimanhas para angariar dinheiro são as mais variadas possíveis. Vendem tudo aos fiéis, desde estatuetas de devoção ou artigos sacros e, o que nos deixam mais assustados é que nesse ciclo de angariação de vil metal vêm armas, pornografia, droga, prostituição e outros produtos similares.

Além das influências que são usadas para manipulação das mentes, além de desenvolverem a manipulação, o compadrio. É triste a realidade no écrã da ICAR (Igreja Católica Apostólica Romana), pois além da pedofilia, do homossexualismo e algumas medidas contraceptivas condenadas se os fiéis fizerem uso delas são pecadores. É que, caso não tenham alguns em consideração, a complexidade social implica num aprimoramento da moral e da ética. Somos confrontados todos os dias com situações novas, ou pelo menos com novas apresentações de um mesmo problema. O papa tem suas razões para colocar o cargo à disposição do clero da igreja, mas tal atitude nos deixa com uma pulga atrás da orelha. O enredo dessa renúncia pode se transformar num filme que poderá concorrer ao Oscar. É sabido que já existiram outros papas com o nome Bento. O papa atual não é o único Bento a renunciar.

Durante época tumultuada da história da Igreja Católica muita coisa aconteceu e, esse período foi denominado de “Saeculum obscurum”, que quer dizer: “Idade das trevas”, às vezes chamado de “pornocracia” ou “governo de meretrizes”. Os papas se entregaram à corrupção e à venalidade, e eram aliados a determinadas famílias aristocráticas. O povo de Roma muito revoltado com essa atitude se tornou cansado em consequência resolveram Bento V á mais alta posição da Igreja no ano de 964. Entretanto, o fundador do Sacro Império Romano, Rei Oto I, não quis saber disso e elegeu um antipapa, Leão VIII. Bento V preferiu renunciar a engolir infeliz atitude, nesses tempos caóticos, não era incomum haverem dois papas eleitos.

O próximo Bento foi o Bento VI que também viu seu reinado ter um fim melancólico; quando da morte do Rei Otto em 974, o Bento VI foi preso e executado pelo seu antipapa sucessor. Como todos podem notar as autoridades da ICAR não eram santos, pois sempre viviam metidos em confusões dos mais diversos matizes, entre os quais o homossexualismo, a pornografia e assassinatos. Será que todos os católicos sabem a história de sua religião? Sob o domo da “Igreja de Pedro”, os católicos poucas vezes viram tamanha cisão. Vergado por intrigas, guerra de poder, traições e escândalos de toda ordem, Bento, “o sucessor” de Pedro, decidiu sair como último e corajoso ato capaz de aplacar ânimos. Será que a atitude tomada por Bento XVI teria ocorrida devido às nuanças citadas anteriormente? Carlos José Marques, diretor editoria da Revista “Isto É” fala do assunto e conta às dificuldades que a religião vem passando.

A decisão começou tomar corpo quando o papa se deparou, no ano de 2012, com o dossiê de acusações tratando do vazamento de documentos secretos, esquemas de malversação de fundos da igreja e complôs na Cúria Romana no escândalo que ficou conhecido como “Vatileaks”, Bento, tinha o intuito de desmantelar o conluio opressor da máfia vaticana. É triste, doloroso, vergonhoso termos que afirmar que na cúpula da Igreja católica exista máfia. Bento XVI abdicou e conseguiu afastar por tabela, aqueles que almejavam montar um poder paralelo na instituição. Vemos com muita preocupação as religiões se voltarem com toda força e a ambição para angariar fundos, que na pura realidade a maior parcela irá para as contas bancárias dos fundadores dessas religiões. Gastam milhões com a mídia, enquanto seus fiéis passam fome, privações e ainda são obrigados a doar o 10% de dízimo.  

Bombástico. O verdadeiro motivo da renúncia de Bento XVI, Segue tradução de reportagem publicada em 13/02/2013 pela ITCCS.ORG. Aos interessados segue link da reportagem original em inglês: http://itccs.org/2013/02/13/pope-benedict-resigned-to-avoid-arrest-seizure-of-church-wealth-by-easter/. Não sabemos se o que informa o site em alusão é verdade ou carece de alguns questionamentos, mesmo assim colocaremos a disposição dos leitores alguns pontos importantes da matéria. Papa Bento XVI renunciou para evitar a apreensão prisão, da riqueza da igreja até a Páscoa. Postado em 13 de fevereiro de 2013 pelo itccs. Nota Diplomática foi emitida para o Vaticano pouco antes de sua renúncia. Novo Papa e clero católico enfrentarão acusação e prisão como "Easter Reclamation" plano continua.

Um lançamento Global Media e declaração do Tribunal Internacional para Crimes da Igreja e do Estado Bruxelas: A renúncia historicamente sem precedentes de Joseph Ratzinger como Papa esta semana foi obrigada por uma ação futura, por um governo europeu, por causa de um mandado de prisão contra Ratzinger e uma garantia pública contra Vaticano, bens e haveres, até a Páscoa. O ITCCS Escritório Central em Bruxelas é obrigado por abdicação súbita do Papa Bento XVI para divulgar os seguintes detalhes: 1. Na sexta-feira, 1 fevereiro, 2013, com base em provas fornecidas pelo nosso Tribunal de Direito afiliada Comum de Justiça (itccs.org), nosso Escritório concluiu um acordo com representantes de uma nação europeia e os seus tribunais para garantir um mandado de captura contra Joseph Ratzinger , também conhecido como o Papa Bento XVI, por crimes contra a humanidade e ordenando uma conspiração criminosa.

2. Este mandado de prisão era para ser entregue ao escritório da "Santa Sé", em Roma, em sexta-feira 15 fevereiro, 2013. Ele permitiu que o país em questão para deter Ratzinger como suspeito de um crime, se ele entrou em seu território soberano. 3. Uma nota diplomática foi emitida pelo governo do país disse para Secretário do Vaticano de Estado, Cardeal Tarcisio Bertone, na segunda-feira 4 de fevereiro, 2013, informando Bertone do mandado de detenção iminente e convidando seu escritório para cumprir. Sem resposta a esta nota foi recebida de Cardeal Bertone ou seu escritório, mas seis dias depois, o Papa Bento demitiu-se. 4. O acordo entre o nosso Tribunal e da nação, disse incluiu uma disposição segundo a emissão de uma garantia comercial através dos tribunais daquele país contra a propriedade e a riqueza da Igreja Católica Romana com início na Páscoa domingo 31 março, 2013.

Esta garantia deveria ser acompanhada por um público e global "Campanha de Páscoa Recuperação", pelo qual a propriedade da igreja católica era para ser ocupado e reivindicado por cidadãos como bens públicos perdidos sob o direito internacional e do Estatuto de Roma do Tribunal Penal Internacional. 5. É a decisão do nosso Tribunal e do governo do país disse para prosseguir com a prisão de Joseph Ratzinger sobre a sua desocupação do escritório do Romano Pontífice, sob a acusação de crimes contra a humanidade e conspiração criminosa. 6. É a nossa decisão ainda mais para continuar, bem como com o indiciamento e prisão de sucessor de Joseph Ratzinger como Papa sob as mesmas acusações, e para fazer valer a garantia comercial e "Easter Campanha de Recuperação" contra a Igreja Católica Romana, como planejado.

No fechamento, o nosso Tribunal reconhece que a cumplicidade do Papa Bento XVI em atividades criminosas do Banco do Vaticano (IOR) foi convincente sua demissão eventual pelos mais altos funcionários do Vaticano. Mas de acordo com nossas fontes, o secretário de Estado, Tarcisio Bertone forçou a renúncia de Joseph Ratzinger imediatamente, e em resposta direta à nota diplomática relativa ao mandado de prisão que foi dada a ele pelo governo do país disse que o 4 de fevereiro de 2013. Apelamos a todos os cidadãos e governos para ajudar os nossos esforços para desestabilizar legalmente e diretamente do Vaticano, Inc. e prender seus diretores e membros do clero que são cúmplices em crimes contra a humanidade e da conspiração criminal em curso para ajudar e proteger tortura e tráfico de crianças.

Boletins adicionais sobre os eventos da Campanha de Recuperação de Páscoa serão emitidos pelo nosso escritório esta semana. Emitido 13 de fevereiro de 2013 00h00min GMT pelo Escritório Central de Bruxelas. Senhores estamos estarrecidos com essa crise na Igreja Católica, mas precisamente no Vaticano. Sujeira, corrupção, luta por poder e ate assassinatos, bem como a existência de uma máfia dentro do Vaticano nos leva a crer na derrocada geral da mais antiga religião depois de Cristo. As mudanças precisam ser feitas urgentemente seja através dos conservadores, ou pelos fiéis, pois a igreja se encontra muito distante de seu rebanho. É crucia a missão do colegiado nesse contexto e Bento, em que pese o pouco carisma e a visão doutrinária conservadora, pode hoje ser visto como um revolucionário e demonstrou ter, sim razões para mudar o curso da Santa Sé. A crise é dolorosa e cruel, visto que alguns cleros de países da Europa acusam o próprio Bento XVI de ser responsável por muitas irregularidades dentro do Vaticano. Pensem, meditem, tirem as suas conclusões e vejam quem está com a razão. Pense nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DAACI- DA ACE- DA UBT- DA AVSPE- DO PORTALCEN- DA AOUVIRCE E DA ALOMERCE.

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

MUITO A CAMINHAR PELO DESTINO


GRANDES MOMENTOS


GRANDES MOMENTOS

 

“Um vazo cheio de recordações de momentos vividos com toda intensidade no outrora e que ficou cravado no nosso ser interior chama-se saudade. Se queres ser feliz por mais ou menos um dia-então participa do espetáculo que passa. Come e alegra-te e dança, Encontrarás muitos prazeres ao longo do caminho... se quiseres ser feliz um dia”. (Chico Xavier e Rosângela Redondo).

 

Reviver um passado feliz é mais salutar do que viver um presente de tribulações. Os sentimentos de antanho podem ser revividos com alegrias e contentamentos, se aliados ao presente enobrecedor. À vida se transformará num mar de rosas sem turbulência. Jamais pense em depressão, inveja ou orgulho, seja simples e sem mente conturbada, assim você estará livre do estresse, e seu coração não será alvo de cicatrizes e marcas profundas que recrudescem somente em válvulas propulsoras vazias de amor e de carinho. As psicosferas perfumadas e belas estão à disposição dos amantes e não dos relutantes.

 

A tecnologia cresce e facilita em algum ponto a vida dos humanos, no entanto, ela pode tornar os humanos em concreto e de horas marcadas para adentrar a infelicidade. Os desejos de gratidão e uma amizade salutar podem cortar o elo malévolo e, as amarras que escravizam o hominal. A negação é uma ação dolorida que pode levar-lhe a solidão, mas o sentimento lucilente transformará e melhorará o comportamento de tanta gente descente. O sofrimento resulta da avaliação das circunstâncias, boas ou más, uma pode ser sua amiga fiel à outra uma perturbação cruel e amarga como fel.

 

Tenha pensamentos que sejam como as abelhas, eles vão e vêm com certa constância, os bons serão como as abelhas que produzem o néctar retirado das flores para ser transformados em mel. Esse mel viscoso de bela cor que adoça os corações dos apaixonados. Podemos também delineá-lo como o “mel da felicidade” quando a sua vida transborda em amor para as pessoas mais humildes. Que elas não tenham um futuro desolador cheio de chagas profundas. Que essa viscosidade seja o bálsamo santificado para amenizar o sofrimento dos que vivem ao relento e sem o devido respeito da sociedade injusta e das autoridades cruéis.

 

Sirva para eliminar os maus pensamentos, visto que eles podem ser comparados às abelhas que picam e transformam em dor essa ação, mas a sua felicidade crescerá com pensamentos altivos e positivos. Cresça como deve. As dificuldades são grandes quando a vontade é fraca. A dificuldade é uma cadeia de montanhas que você enfrenta todos os dias. Saia do forte calor da indecisão e vá ao cume da montanha para limpar os olhos com o lindo horizonte que brilha a sua frente. A destreza moral o ajudará nos momentos mais difíceis da sua vida tenha o coração forte para resistir aos choques, às pedras de tropeços e os escaninhos do mal que encontramos pela frente.

 

O homem de bem coloca o perdão sobre as mágoas e as alegrias em substituição as tristezas, afugentando as dores, as preocupações, amolecendo o seu coração, endireitando as estradas que se direcionam ao futuro, reascendendo as esperanças e pondo luz em teu caminho. Se possível impedir que outras pessoas façam uso de ações perniciosas ao nos dirigir ofensas, no entanto, temos condições para impedi-las de atingir nosso ego interior dilacerando os nossos corações. Amai vossos inimigos, assim como nosso Pai nos amou. O homem deve ser como a árvore que unida a terra pelas raízes tem vida, cresce, floresce e frutifica.

 

Tenha paz dentro de si, viva em abundância repleta de alegria e se sinta feliz sempre. A sentença a seguir mostra a maneira eficaz de como devemos agir: “O passado pertence à história, o futuro pertence a Ele e nosso é apenas o momento presente. Vamos fazê-lo feliz, alegre e inundá-lo de paz, amor, caridade e fraternidade”. O bem traz paz e alegria. O mal desespero e incompreensão. Devemos conotar todos os dias de que nosso alimento é fazer a vontade do que Pai que nos enviou tal qual, como afirmava o Cristo Jesus. Diante de tanta ingratidão devemos repensar nossas vidas, pois não basta perdoar e pedir perdão, o mais importante é perdoar a si mesmo.

 

Humildade para reconhecer o erro, arrependimento com sinceridade, confiança na misericórdia divina e no perdão de Deus. Existe joia mais valiosa do que o perdão do Pai? Muitos afirmam que a questão não é esquecer o pecado, mas modificar a maneira de lembrá-lo e de conviver com ele. O Espírito Scheilla, através do médium Clayton B. Levy tem a receita exata para diversos problemas. As três atitudes que podem te ajudar a alcançar mais paz por dentro. A prece sincera abrirá teu coração, a fim de estabeleceres contatos com as energias do Mais Alto.

 

O trabalho no Bem te permitirá higienizar a mente e te conduzirá a conquistas maiores. O amor pelos sofredores te auxiliará a vencer a ti mesmo, para que encontres a Pai em teu coração. Prece, trabalho e amor constituem a receita exata para que a luz do teu espírito se espalhe iluminando teus passos. Essa receita é fácil de cumprir, mas nos parece que o homem esqueceu todas as atribuições ou presentes divinos dados por Deus e deixa de praticar o bem para se inserir no mal. As drogas, os vícios diversos, as ações perniciosas praticadas pelo hominal, os leva a condição de maldoso, pervertido, sem coração, sem arrependimento e a cada dia que passa ele se aproxima do precipício e seu fim será trágico e imaginável.

 

Sinceramente não queremos que isso aconteça com nossos irmãos pervertidos e inseridos no mal, pois a esperança existe e está a disposição dos que querem a recuperação social e espiritual. A conscientização está na mente e na vontade de todos, no entanto, transparece que o homem foi plenamente dominado pelo materialismo que fere sem você se aperceber. Faça uma adesão ao espiritualismo colocando Jesus e o Pai Maior no coração. Ao mudarmos nosso posicionamento e tomarmos ciência de como é importante à vida para nós e outrem, com certeza o bem estará a nossa disposição, é a única solução e devemos agarrá-lo com unhas e dentes. Nada custa para ser feliz. É só abrir o coração e praticar boas ações. Pense nisso!

 

 

ANTONIO PAIVA RODRIGUES- MEMBRO DA ACI- DA ACE- DA UBT- DA AVSPE- DA AOUVIRCE- DO PORTALCEN- DA ALOMERCE

 

 

 

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

FALA MUITO NO SATANÁS E ESTÁ CAMINHANDO PARA ISSO!


OS RELIGIOSOS QUE ADORAM DINHEIRO!




OS RELIGIOSOS QUE ADORAM DINHEIRO!

“Com os lábios, beijam as mães da Terra nas flores sublimes da vida, cooperando nas obras divinas do Eterno, mas com os lábios obedeceu Judas às vozes inferiores, entregando o Senhor com um beijo de ingratidão.” (Emmanuel).   

Dizem as Escrituras que “o Espírito (de Deus) sopra onde quer, numa clara alusão a que Deus distribuiu generosamente da sua infinita sabedoria por todos os povos de todas as partes do mundo. Inspira religiões hinduístas, judaicas, cristãs, muçulmanas e outras, soprando em qualquer tempo e lugar”. Alguns pastores protestantes e “bispos” que se dizem evangélicos usam a mídia televisiva com o único intuito de amealhar o vil metal. Não se conformam com pouco e querem sempre mais. Pelo andar da carruagem e, pela lavagem cerebral que é realizada nos mais incautos e nos menos privilegiados, eles conseguem arrecadar milhões em reais. O Mestre Jesus, o único Espírito Puro, a pisar nesse orbe, jamais tinha suas atenções voltadas para qualquer tipo de recompensa, que não fosse a espiritual e vinda do próprio Pai Maior (Deus).

Certa vez indagaram-lhe se era justo pagar tributos a César, tendo Jesus respondido da seguinte forma: “Dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus”. Nessa bela frase Jesus nos mostra a sua condição de protetor dos mais pobres, dos mais humildes e dos estropiados. César queria os tributos, mas Deus não. Jesus pregava em qualquer lugar e deitava-se em terrenos pedregosos para descansar. Hoje a situação é outra bem diferenciada, visto que as igrejas constroem Mega Templos para imantar o povo a comparecer os cultos e atos religiosos, no sentido de arrecadar milhões. Até milagres eles prometem e nas reuniões e correntes, pretensos deficientes são curados, para alegria e explosão do povo que comparece a essas casas ditas religiosas. 

Há cinco atitudes capazes de nos trazerem felicidade: Perdoar sempre. Fazer todo o Bem possível. Ser fiel à verdade, cultivar a prece e caminhar servindo sempre. Todas essas nuanças aqui relacionadas visam o bem estar, mas não inclui dinheiro para a sua execução. Existem também cinco comportamentos que levam ao sofrimento: Alimentar a mágoa, fomentar a agressividade, acreditar na impiedade, fugir da prece e vingar-se. É possível que, ainda hoje te encontres perante uma destas situações.

Antes de agir, lembra que felicidade ou sofrimento resultarão da tua livre opção.  O “Bispo” Macedo da IURD vem fazendo merchandising do livro que editou recentemente e vem espalhando pelo Brasil, alguns países da áfrica e logo estará nos Estados Unidos e mais dois países. Na reportagem mostrada pela Televisão Recorde - na África do Sul muitos pessoas faziam shows, dançavam com o livro as mãos. O que não se via era dinheiro nas mãos das pessoas e todos levantavam o livro como se fosse um símbolo sagrado. Merchandising é qualquer técnica, ação ou material promocional usado no ponto de venda, que proporcione informação e melhor visibilidade a produtos ou serviços, com a propósito de motivar e influenciar decisões de compra e consumidores.

É o conjunto de atividades de marketing e comunicação destinadas e identificar, controlar ambientar e promover marcas, produtos e serviços nos pontos de venda.  É responsável pela apresentação destacada de produtos na loja, criando espaço e visibilidade, de tal maneira que acelere sua rotatividade. Segundo nos informa o site blessa.  com. br/ nos Estados Unidos é a atividade que procura acompanhar todo o ciclo de vida de um produto, desde sua adequação para os pontos de venda (imagem, embalagem, compra, preço, volume, materiais, promocionais) até o controle de sua performance mercadológica diante dos consumidores.

São diversas as atividades relacionadas ao merchandising no ponto de venda, assim como seus instrumentos, técnicas e tipos. A Igreja Universal do “Reino de Deus” (IURD) tem uma tiragem grande de exemplares de jornais com noticiários da igreja e são distribuídos gratuitamente. Essa ação do “Bispo Macedo” pode ser mais uma artimanha diabólica do homem que quer ser tornar famoso em todo o mundo e fazer rol dos escritores Best Sellers. O mais estanho de tudo é que um jornalista, talvez o confeccionador da biografia de Edir Macedo é quem autografa os livros. Durma-se com tanto barulho.

“Em entrevista A Revista “Isto É” Silas Malafaia diz o seguinte:” Já recebi R$ 2 milhões de um fiel. Apontado com o terceiro pastor mais rico do Brasil, líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo anda de jato executivo, afirma faturar R$ 45 milhões por ano com a sua editora e diz que evangélico não é babaca. Não é babaca, no entanto seus pretensos fiéis formam o exército de babacas dominados por ele. Silas Malafaia e Edir Macedo passam o tempo todo se digladiando nos canais de televisão e nos vídeos do Youtube. Onde estão as autoridades brasileiras que não procuram averiguar de onde saem tanto dinheiro das igrejas que são conhecidas por seus membros como evangélicas.

A visão da Receita Federal do Brasil está direcionada para a declaração de Imposto de Renda de assalariados e das classes média e alta e nada mais. O Brasil precisa mostrar a sua cara senhores. A Igreja hoje é um meio de vida e existe uma em cada esquina. Triste lamentável esse situação geênica.  De Angra dos Reis, local escolhido para curtir 15 dias de férias em meio a passeios de lancha e banho de mar próximo às ilhas da região, o carioca Silas Malafaia, 54 anos, pregou a orelha no celular e, por quase duas horas, abriu o verbo. Estava tiririca da vida por ser acusado pela revista Forbes como o terceiro pastor evangélico mais rico do Brasil, com um patrimônio avaliado em aproximadamente R$ 300 milhões.

Diz que vai acionar a justiça contra a revista e diz que seu patrimônio não chega a 3,5% do valor publicado. Deveria chamar a Receita Federal e a Polícia Federal e em conjunto co diretores da Forbes, mostrar a realidade dos fatos. Como existem políticos corruptos, na igreja existem os corruptos que realizam falsos milagres, falsas curas e obrigam os fiéis a pagar ou recolher dízimos exorbitantes para os cofres da instituição. Os ensinamentos de Cristo estão distorcidos e, os fiéis aprendendo a abrir as mãos com mais rapidez.

Ele diz para o jornalista Rodrigo Cardoso que a receita da igreja vem da venda de livros, de conferências, da minha (Editora Central Gospel), que fatura R$ 45 milhões por ano. Em minha modéstia opinião uma revista renomada não iria entrar numa fria e, principalmente em se tratando de um meio de comunicação escrito dos Estados Unidos da América do Norte. Existem ou não babacas na igreja do pastor Malafaia? Tenho uma casa comprada por R$ 800 mil e que hoje vale R$ 2,5 milhões, três apartamentos, valendo cada um R$ 1,5 milhões, tem imóvel financiado em Boca Raton na Flórida que vale R$ 500 mil e diz que seu patrimônio é de R$ 6,1 milhões de reais.

Ele é ex-conferencista e se tornou pastor há apenas dois anos e meio, mas já administrava 120 templos pelo Brasil. É casado e tem três filhos, nasceu em Jacarepaguá. Enquanto, esses pastores, inclusive Waldomiro enricam com muita facilidade, existem igrejas evangélicas caindo às pedaços por falta de assistência monetária e porque os que cuidam dessas igrejas não são altamente materialistas como os aquis citados. “Tenho um avião da Associação Vitória em Cristo que coloquei à venda. Paguei R$ 6,6 milhões, mas é dispendioso, diz valer hoje 2,8 milhões.” Diz-se não defensor dos homossexuais e lésbicas. Outro que ganha rios de dinheiro é o cunhado de Edir Macedo R.R. Soares da Igreja Internacional da Graça. “O Jovem Jean Wyllys só tem essa voz porque é gay. Se não fosse, seria um zero à esquerda. Ele teve 16 mil votos em eleições passadas, mas também ganhou do famigerado BBB da Rede Globo” é bom que se frise.  

Há três atitudes que podem te ajudar a alcançar mais paz por dentro. A prece sincera abrirá teu coração, a fim de estabeleceres contatos com as energias do Mais Alto. O trabalho no Bem te permitirá higienizar a mente e te conduzirá a conquistas maiores. O amor pelos sofredores te auxilia a vencer a ti mesmo, para que encontres o Pai em teu coração. Prece, trabalho e amor constituem a receita exata para que a luz do te espírito se espalhe iluminando teus passos. Segundo Scheilla você pode fazer isso com fé e gastará um tostão sequer e nem entregará nas mãos de terceiros dinheiro que ninguém sabe qual o destino tomará. Pense nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI- DA ACE- DA UBT- DA AVSPE- DO PORTAL CEN- DA AOUVIRCE E DA ALOMERCE


Matérias Espirituais

Antonio Paiva Rodrigues

Minha foto
Fortaleza, Ceará, Brazil
Este blog tem por finalidade divulgar o jornalismo pelo Brasil e no mundo. Bem como assuntos doutrinários e espirituais.